Assuma seu protagonismo

Estamos na semana da pátria, quando recordamos a independência do Brasil ocorrida em 7 de setembro de 1822. O fato histórico marca o fim do domínio português e a conquista da autonomia política. Vale lembrar que esse movimento da elite política brasileira foi antecedido de muitas lutas, inclusive da Inconfidência Mineira com seu mártir Tiradentes. Após a independência veio a república da espada, a república das oligarquias, a política do café com leite, a política dos governadores e o coronelismo. O país vivenciou golpes e até uma ditadura militar. Agora vivemos em um estado democrático de direito que garante a ampla participação de todos. A plenitude da participação política ocorre através de eleições livres, por isso é importante recordar que, segundo registros históricos a primeira eleição no Brasil ocorreu em 1532 para escolha do Conselho Deliberativo da Vila de São Vicente, naquele tempo, somente eram votantes os chamados “homens bons”. Até a constituição de 1988 vários grupos de brasileiros foram excluídos e impedidos de votar, pelos mais variados motivos. Hoje, o voto é obrigatório para os brasileiros maiores de 18 anos e facultativo aos analfabetos e para quem tem 16 e 17 anos ou mais de 70 anos. Um dos discursos mais usados atualmente é o de mudança. Apesar dos diversos interesses, o desejo mais comum é o de um país melhor para todos, especialmente os mais necessitados. Para que isto ocorra, a participação política é fundamental. Existem várias formas de participação, em movimentos sociais, associações de classe, partidos políticos e conselhos populares. Nas eleições, além do direito ao voto, existe o direito de ser votado. Sim, você pode ser votado! Pode ser candidato já no próximo pleito de 2016 quando serão escolhidos prefeitos e vereadores. Mas para que isso seja possível é necessário cumprir a regra da anualidade, qual seja, estar filiado a um partido político ao menos um ano antes do pleito.Assim, é fundamental a filiação até o final deste mês. Mesmo aqueles que ainda, não definiram se efetivamente desejam participar do pleito é necessário que estejam filiados. É como o corredor que deseja participar da São Silvestre. Além da preparação, ele deve estar inscrito com antecedência e seguir as regras para poder competir. Se não se inscrever não poderá participar.Inúmeras vezes observamos pessoas questionando as decisões e atos da presidente da república, senadores, governadores e deputados. No nível local ocorre o mesmo. Quantos não apresentam idéias interessantes para problemas que afligem nosso cotidiano? Talvez até mesmo você, caro leitor, já tenha questionado as autoridades locais e dito que se tivesse oportunidade faria tudo diferente. Ribeirão Preto precisa mesclar a experiência com a renovação de tal sorte que um novo modelo de gestão seja concebido a partir de um amplo debate. É possível a união de esforços de cidadãos comprometidos com a coletividade que sejam capazes de esboçar um projeto de cidade que contemple o desenvolvimento sustentável, a melhoria na qualidade dos serviços públicos, respostas objetivas para o crescente déficit de moradias, enfrentamento aos problemas da saúde, educação, mobilidade urbana e infraestrutura e redução das desigualdades sociais.Alguns nomes se movimentam e se apresentam como balões de ensaio, outros buscam apoio de modo mais discreto. O prazo para se habilitar, através da filiação está se encerrando, depois será um ano de preparação. Quem sentará na cadeira principal do Palácio Rio Branco ou ocupará as vagas do Palácio Antonio Machado Santana, ainda é uma incógnita. Dependerá de articulações, configurações, acordos, cenários e principalmente do desejo popular. Você pode ser um mero espectador que, do conforto de seu sofá, vive a tecer críticas sem adotar qualquer medida transformadora. Pode participar de movimentos, empunhar cartazes ou faixas e gritar palavras de ordem. Você, também pode ser um ator de destaque tanto na militância partidária, quando na disputa como candidato ou simplesmente e não menos importante: votando!Assuma seu protagonismo, filie-se e venha fazer o que precisa ser feito!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *